sábado, 7 de abril de 2012

Méret Oppenheim








Méret Oppenheim por Marion Kalter





Méret Oppenheim (1913-1985) Nasceu em Berlim. Artista ligada ao Surrealismo. A convocação de seu pai para a 1a Guerra Mundial, levou sua mãe a mudar-se para Suiça com o tres filhos. Aos 18 anos, Méret instalou-se em Paris, onde estudou na Académie de la Grande Charemiére. Deu pouca atenção ao ensino acadêmico procurando a formação por sua própria conta. Com Hans Arp, Giacometti e André Breton entrou para o Surrealismo. Suas pinturas e objetos, estes inspirados em conversas com Picasso e Dora Maar em reuniões num café de Paris discutem a sexualidade feminina e a exploração da mulher. Foi modelo para fotografias de Man Ray.





Red head, blue body, 1936. Óleo sobre tela, MoMA, Nova York.


Le dejéneur en forrure ou Object, 1936.  Xícara, pires e colher recobertas por pele de gazela chinesa.MoMA, Nova York.




Missa Gardenia, 1962. SFMOMA.





Glove





My nursemaid, 1936.





Tracia





Project for parkett No 4, 1985.





Termitenkönigin, 1975. Coleção particular.




Enchantement, 1962.






Tous toujour, 1950.







Eichhörnchein, 1949.




Man Ray, 1932  Méret Oppenheim






Man Ray, 1933 Méret Oppenheim

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now